Cases

Download do Ebook
data Publicado dia 11/12/2020 hora 11h28

Como mudar o mindset da força de vendas do sell-in para o sell-out

Em todo o mundo, hábito de consumir snacks está aumentando, e a Mondelēz International capacita as pessoas a produzir snacks da maneira certa!

 

Todos os dias somos inspirados a ir além para liderar o futuro do snacks em todo o mundo. 

 

Faz isso oferecendo o snack certo, para o momento certo, produzido da maneira certa.

 

Em 2012, a Kraft Foods se dividiu em duas empresas independentes: Kraft Foods Group, responsável por massas, molhos e queijos, entre outros alimentos, e Mondelēz International, responsável por toda a produção de snacks.

 

O nome surgiu a partir de uma ação engajadora com seus funcionários ao redor do mundo.

 

A empresa recebeu mais de 1.000 indicações e dois funcionários, um na Europa e outro nos EUA, sugeriram o nome o Mondelēz (lê-se Mondêlis), uma leitura de “mundo de delícias” onde “Monde” vem do latim de “mundo” e “delez” que lembra “delicioso”.

 

A Mondelēz International hoje está presente em mais de 150 países. A operação do Brasil é a 4º maior da companhia no mundo e a maior fábrica de chocolates da empresa, localizada em Curitiba (PR).

 

A produção brasileira é responsável por entregar os snacks mais amados como Lacta, Bis, Trident, Halls, Club Social, Oreo, Tang, entre tantas outras delícias. 

 

Há dois parques Industriais no Brasil. Um em Curitiba (PR), com a produção de chocolates, gomas e balas, cream cheese e bebidas em pó, e outro em Vitória de Santo Antão (PE), com biscoitos e chocolates.

 

Os escritórios estão localizados em São Paulo, Recife e Curitiba, e os Centros de Distribuição em Araucária (PR), Louveira (SP), Viana (ES), Maceió (AL) e Cabo de Santo Agostinho (PE). A unidade de negócios no Brasil conta ainda com um dos 11 Centros de Tecnologia da companhia, o Tech Center, em Curitiba.

 

Buscando um desenvolvimento sustentável e consciente, é necessário considerar e garantir a viabilidade de toda a cadeia.

 

Não basta vender, é importante garantir que o seu canal de venda também realize suas vendas e o produto chegue ao consumidor.

 

Só assim a rede de distribuição e os pontos de venda mantém sua saúde financeira e, portanto, o interesse em seguir vendendo os produtos da Mondelēz.

 

Elevar o patamar dos skills de vendas, passando de uma venda de produto para uma venda de valor, onde os vendedores, antes de oferecer um produto ou tirar um pedido, se preocupe em traçar uma estratégia de vendas para seu cliente.

 

O sucesso do vendedor, direto ou indireto, da Mondelēz não está em suas próprias vendas, e sim nas vendas de seus clientes. Se os PDVs vendem bem, ele também o fará.

Que a força de vendas passe a ser medida por sell-out e não por sell-in, requer uma grande mudança cultural e esforço na capacitação dos vendedores, e este foi exatamente o desafio que nos passaram: como mudar o Mindset da força de vendas do sell-in para o sell-out?


POSTS RECENTES

data Publicado dia 17/01/2021 hora 18h00
Tudo começou quando um executivo contratou um matuto como trainee…

  Alex, executivo de uma grande empresa, após o fechamento de ano fiscal, b…

data Publicado dia 25/11/2020 hora 17h12
Hard x Soft x Deep Skills: O que são e como definem a cultura da empresa

Este artigo foi publicado no dia 25/11/2020 na minha coluna no R7 e no inova360…

data Publicado dia 18/11/2020 hora 17h07
Iluminismo Tecno-Humanizado: Inovação, tecnologia, negócio, consciência e humanização

Este artigo foi publicado no dia 18/11/2020 na minha coluna no R7 e no inova360…

data Publicado dia 10/11/2020 hora 11h40
Como ganhar mercado através de conquistar o coração do cliente

Este artigo foi publicado no dia 09/11/2020 na minha coluna no R7 e no inova360…

data Publicado dia 04/11/2020 hora 16h42
É preciso ter coragem para criar modelos de negócios conscientes e humanizados

Este artigo foi publicado no dia 03/11/2020 na minha coluna no R7 e no inova360…

data Publicado dia 27/10/2020 hora 16h43
Como medir o retorno dos treinamentos de vendas?

Este artigo foi publicado no dia 27/10/2020 na minha coluna no R7 e no inova360…

PODCAST
VÍDEOS